No Perdão




O ângulo é o mesmo,

Mas o momento é outro,

E a visão também


Quando perdôo,

O mesmo ângulo

Revela novidades

No meu coração


O pesado fica leve.

O impossível possível.

O improvável cabível.

Porque o amor

Em mim se ativa,

E voa livre.


Porque no perdão,

O mesmo ângulo

Fica novo,

Para mim.


A dor desaparece,

A mágoa se desfaz,

A vida engrandece,

A paz se refaz.


Mas o ângulo,

Permanece,

Sabiamente

A me mostrar.


Que não é ele,

Nem a vida,

Nem o outro,

Nem o porto,

Que precisam mudar.


E sim,,

Eu mesma

A me perdoar.


Escrita por Janete Ferreira

25/12/21

❤️🙏🌱

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo