Para saber




Saber

Ainda não sei.

Não conheço,

A mim mesma,

Ao ponto

De saber.


Saber

O tanto que preciso,

Aquietar

O tanto que preciso,

Fazer


Saber

O tanto que não sei

A hora de plantar,

O momento de colher

E o tanto que preciso,

Aprender.


Para saber

Venho a Ti

E diante da escolha,

Escutar e pedir.


E Tu

A mim, me diz

Respire na calma.

Sinta o que tem.

Espere e confie.

No que ven.


Pois,

Na entrega,

E da calma

Nasce a clareza

E vem dela

O saber,

Para o melhor viver.


Escrita por Janete Ferreira

13/08/2021

❣️🌱🙏

16 visualizações0 comentário