Prece Atenta





Atenta.

Pois,

Eu jamais

Me reconheço

Totalmente.


Atenta,

Desperto

Para o que sou

E me acolho

Suavemente.


Atenta.

Retiro,

De meu corpo,

Os padrões limitantes

E as críticas eternas.


Atenta.

Recuso

O hábito cruel

De exigir de mim

Que carregue pedras.


Atenta.

Transbordo

Do leito

De meu ser

A enchente.


Atenta.

Inauguro,

O abraço do mar,

O sorriso na maré

E me alegro

Sendo.


Atenta.

Me entrego

À imensidão.

Pois foi de lá

Que chegou

Meu vento.


E honro.

Porque

Uma parte

De mim

É permanente.


Escrita por Janete Ferreira

03/01/2021

🙏❤️🌱

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo